sexta-feira, 14 de setembro de 2012

policia pega mais uma dupla de traficantes em SOROCABA




Um casal preso ontem na rua Newton Prado, Vila Hortênsia, escondia 50 pedras de crack dentro do ursinho de pelúcia da filha de um mês de idade. Policiais militares flagraram a venda de droga na frente da casa, no número 46, às 10h de ontem. Eduardo Ribeiro, 43 anos, e Vanessa Muniz de Oliveira, 29, teriam escolhido o brinquedo para camuflar a droga no caso de uma abordagem policial, mas não deu certo. Segundo o soldado Tadeu Pedroso, o fecho de velcro do ursinho estava semiaberto.

A venda de uma pedra de crack para um soldador de 26 anos, que disse à polícia ser viciado, motivou a abordagem ao casal. O rapaz admitiu que comprou a droga de Eduardo. O ursinho de pelúcia, recheado de pedras de crack, estava no quarto. Vanessa tinha outras 21 pedras da droga na roupa de baixo e foi revistada por uma policial. Assim que o entorpecente foi descoberto, ela quis jogar pela janela e depois engolir algumas pedras, porém os policiais a impediram.

Além da droga, o casal guardava na residência uma balança de precisão e 225 frasconetes vazios (embalagem), de acordo com o soldado Daniel Freitas. A criança estava na casa de uma irmã de Vanessa, que é vizinha, de acordo com o policial. A casa não tinha condições mínimas de higiene. Os PMs acreditam que o consumo de crack ocorria ali mesmo. No pequeno quintal havia sujeira e embalagens de droga.

O delegado Pedro Dalboni autuou o casal em flagrante de tráfico e associação para o tráfico. Conforme a PM, a dupla detida têm antecedentes criminais: ela por furto, roubo, tráfico e moeda falsa, e ele com mais mais de 20, a maioria por roubo e tráfico. A criança deveria permanecer com a irmã de Vanessa.
 
Na boate 
No dia 11 de junho, policiais militares detiveram em flagrante outra mulher que escondia droga dentro de um ursinho de pelúcia. Andréia dos Santos, 23 anos, foi presa numa boate no quilômetro 91 da rodovia Raposo Tavares (SP-270). Os PMs foram chamados por causa de uma suposta invasão na boate e Andréia segurou o ursinho. O cheiro de maconha despertou suspeita. Dentro do bicho de pelúcia havia 130 gramas de cocaína, além de porções de maconha. ( pois é , mais uma dupla que cai,a ex dos dois membros do PCC, que dividiam a  cidade , como sempre a policia é que acaba descobrindo, já que o povinho muitas vezes sabe, mas se cala.)

Nenhum comentário: