segunda-feira, 16 de maio de 2016

EX BBB LAÉRCIO preso por pedofilia, ta e dai ? muda em quê a coisa ?

Laércio foi detido
O ex-BBB Laércio de Moura, 53, foi preso em Curitiba, na manhã desta segunda-feira (16), sob a suspeita de ter cometido estupro de vulnerável e de oferecer bebida alcoólica a menores. A informação foi confirmada ao UOL pela assessoria de imprensa da Polícia Civil do Paraná.
A detenção do ex-BBB aconteceu por conta de uma ação do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria). Ele foi preso em seu apartamento, no bairro do Batel, e não resistiu. Laércio deve ser interrogado ainda nesta segunda, e não há prazo para sua liberação. 
Em coletiva de imprensa, a delegada titular do Nucria, Daniela Andrade, e a delegada adjunta Patricia Conceição afirmaram que a investigação teve início na época do “BBB16”, a pedido do Ministério Público. “A partir do momento que ele apareceu no programa, eles receberam varias denúncias de que ele se relacionava com menores de 14 anos, o que caracteriza o crime de estupro de vulnerável. A lei presume a violência quando o maior de idade se relaciona com uma criança ou um adolescente menor de 14 anos”, explicou Andrade. 
Segundo as delegadas, a polícia realizou várias investigações e chegou a uma vítima de Laércio. A adolescente se relacionou com o ex-BBB em 2012, quando tinha apenas 13 anos. Ela confirmou o relacionamento ao falar com a polícia e forneceu prints de conversas entre os dois.
A polícia também cumpriu um mandado de busca e apreensão na residência do curitibano e apreendeu um computador, um HD externo, diversos pen-drives, alguns CDs, e 3 telefones celulares, que serão analisados pela perícia. 
Acusação de pedofilia no “BBB”
Desde que Laércio foi anunciado como participante do “BBB16”, surgiram nas redes sociais várias denúncias de que ele se envolvia em sexo com meninas menores de idade e oferecia álcool a elas. Seu perfil no Facebook também causou controvérsia. Em um post, que circulou na internet, o curitibano se definia como “efebófilo”, uma pessoa que sente atração sexual por adolescentes. O perfil acabou desativado enquanto ele ainda estava no programa. 
Dentro do programa, a participação do designer de tatuagens foi polêmica. Ana Paula brigou com ele e o acusou de ser pedófilo, por ele ter ter feito gestos obscenos direcionados às mulheres da casa e por ter encarado fixamente Munik, de 19 anos, enquanto ela dançava em uma das festas. O brother também disse no reality quegosta de “novinhas” e admitiu ter vivido um “triângulo amoroso”com meninas de 19 e 17 anos.
Mesmo depois de ter sido aconselhada a se desculpar com o brother, Ana Paula reiterou sua opinião e disse que, para ela, quem mantém relações sexuais com menores de idade é pedófilo. A jornalista e o designer se enfrentaram no paredão e ele acabou eliminado, com 54% dos votos
Após deixar o confinamento, o curitibano chegou a declarar que cogitava processar a mineira por conta da acusação, mas parece que não levou a ideia adiante. Um dia depois de o “BBB16” chegar ao fim, Ana Paula disse que ainda “estava esperando” o processo do colega
( fácil prender o cara, serve apenas pra promover delegado, promotor, juiz, que querem holofotes no caso pra se aparecerem e fazer nome, meses de investigação, gastado grana do contribuinte, pra um advogado porta de cadeia conseguir livrar o cara.
os grandes mafiosos, políticos empresários etc que comandam o turismos sexual aqui devem estar rindo disso , a ANA PAULA RENAULT deve tb estar se preparando pra dau jeito de se aparecer encima disso ai, só pra ter mais uns minutinhos de fama, resumo da opera, no BRASIL fingem que combatem algo, este caso ai é só mais um pra enganar os manés e as feministas que gritam bem feito pro cara e gritar que a ANA tinha razão.)

Nenhum comentário: